Esta casa “minúscula” é muito diferente do que parece por fora… O seu interior está a conquistar o mundo!

Com a expansão das grandes cidades, é muito normal que a cada dia que passe, mais imóveis muito pequenos apareçam. Esse é um movimento que está a acontecer em todas as grandes cidades do mundo. Uma pena é que o preço desses imóveis não são proporcionais ao tamanho deles.

Em cidades como São Paulo, por exemplo, algumas casas minúsculas já começaram a serem vendidas com preços exorbitantes, sob a nomenclatura de “estúdio”, que é para deixar o imóvel com um estilo mais moderno.

Mas felizmente, a criatividade de algumas pessoas, consegue tornar alguns espaços pequenos em verdadeiras obras de arte.

É o caso dessa casa construída na zona leste, da capital paulista. Quem vê de fora, não consegue imaginar o que está no seu interior, mas para quem entende de arquitetura, consegue ver ali uma gigantesca oportunidade de inovação.

A casa pertence à dona Dalvina Borges Ramos, de 74 anos. O imóvel foi comprado há 25 anos, na Vila Matilde, e depois de uma tempestade que aconteceu em 2013, dona Dalvina e seu filho decidiram fazer uma bela reforma no pequeno espaço.

Por causa da urgência em reformar a casa, que veio abaixo com a tempestade, os dois resolveram pedir ajuda a um escritório de arquitetura, para que fizessem o trabalho, de forma rápida e com pouco dinheiro.

O escritório então decidiu demolir tudo e começar do zero. O plano correu muito bem, e a nova casa da dona Dalvina recebeu um prémio internacional, pela originalidade.

Veja imagens da casa:

Fonte: Facebook.com

Partilhar:

Já viste o nosso Instagram: @muitofixe.pt

Relacionados:

Comentários: