A maior ponte flutuante do mundo

O Lago Washington, nos Estados Unidos, é tão fundo que é impossível fazer uma ponte convencional a atravessar o seu centro.

A solução encontrada foi construir a ponte sobre pontões flutuantes, com os 77 pontões arranjados num sentido perpendicular ao trânsito e seguros por 58 âncoras. A ponte de Evergreen Point, que abriu o ano passado, tornou-se a ponte mais comprida e mais larga do género, com 2350 metros de comprimento e 35 de largura.

Esta ponte, que liga zonas diferentes de Seattle, substituiu a travessia do mesmo nome que tinha sido construída em 1963, e ocupa um espaço paralelo à localização anterior. Também bateu o comprimento da ponte anterior por 40 metros. Em comparação com a anterior, beneficia de faixas para peões e bicicletas, bem como bermas, algo que não existia na construção mais antiga.

Se uma ponte flutuante parece pouco segura, não há problema. O design foi concebido para usar estruturas flutuantes de cimento ligadas por cabos de aço. É mais resistente a ventos laterais que a sua antecessora e usa técnicas de construção que protegem a sua integridade em caso de tremor de terra.

Veja as imagens abaixo:



Segue a nossa página de facebook:



Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *